Psicóloga pontua relação entre amor próprio e o emagrecimento

0
79554

Todos os dias, as pessoas fazem julgamentos de valor. Elas julgam seus colegas de trabalho, a situaçãoatual do país, as suas escolhas diárias, mas, principalmente, julgam a simesmas.

Entretanto, o julgamento que elas fazem de si mesmas não é sobre o curso de sua vida ou se ela deveria estar fazendo coisas melhores com seu tempo livre, por exemplo, mas, sim, sobresua aparência.

Para quem julga estar acima do peso ou não ser bonita o suficiente, esses julgamentos podem ser um soco no estômago. Segundo Cintia Seabra, psicóloga e coach de emagrecimento que é referência nacional na área, as pessoas tendem a pensar, quando se olham no espelho, sobre o que os outros estão achando delas, e não sobre a sua imagem em relação a si mesmas.

“As pessoas tendem a criar opiniões boas sobre os outros e ter opiniões degradantes sobre si mesmas.É preciso saber se amar mais, pois, quando nos amamos, permitimos que os outros nos amem, também”, afirma.

Ela lembra que não se pode querer emagrecer tendo em mente o que os outros pensam de nós, e, sim, tero desejo de mudança para se agradar.

“As vezes esquecemos disso, mas as pessoas que gostam da gente de verdade olham além da estética,por mais que, muitas vezes, nós mesmas façamos isso.  Pensar pouco de si mesma não ajuda em nada na sua vida, pois, por mais que as coisas não estejam boas hoje, amanhã elas podem estar ótimas, e sempre devemos almejar a mudança com a esperança de um futuro mais feliz”, declara.

Cintia, que já ajudou milhares de brasileiros a emagrecer com seu programa de emagrecimento online, O Segredo do Emagrecimento em oito Semanas, pontua que as pessoas são muito maiores do que a imagem que é refletida no espelho, e, por isso, o desejo demudar e perder peso deve vir de dentro, por vontade própria de se sentir mais feliz consigo mesma.

A coach finaliza,observando que, para se motivar para emagrecer, a pessoa em questão deve sempre procurar pensar no que o emagrecimento trará de bom na sua vida, no sentido dese sentir bem consigo mesma.

“Se livre do peso do seu julgamento e da sua opinião negativa sobre si própria, e faça suas escolhas visando a sua própria felicidade, e não a dos outros”, conclui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, insira seu nome