Edição 218

Do Cirque du Soleil ao Universo Casuo: a trajetória de sucesso do granjeiro Marcos Casuo, eleito uns dos dez melhores clowns do mundo.

0
46824

Respeitável público, com vocês o artista que nasceu para alegrar o público: Marcos Casuo! Sua estreia nos picadeiros foi no Grande Circo Popular do Brasil e, a partir daí, não parou mais. Por oito anos, fez parte do Cirque du Soleil, onde se tornou protagonista do espetáculo “Alegría”. Visto por mais de 12 milhões de pessoas pelos 22 países pelos quais passou, aplaudido por reis, rainhas e astros da música e do cinema, foi reconhecido como um dos 10 dez melhores clowns do mundo. Mas Casuo queria mais… Saiu do Cirque, voltou para o Brasil e criou uma forma própria de transmitir a alegria e o aprendizado adquiridos em sua trajetória. Assim nasceu o Universo Casuo. Em entrevista para a Revista Circuito, Marcos Casuo recordou o início de sua carreira, falou sobre o período em que trabalhou na maior empresa de entretenimento do mundo, enumerou as lições que trouxe do picadeiro e como evoluiu e de que forma conquistou um espaço tão importante numa estrutura circense.