Cidades alertam sobre a importância da amamentação

A campanha ‘Agosto Dourado’ simboliza o incentivo ao aleitamento materno. Com o objetivo de conscientizar as mulheres sobre a importância e os benefícios da amamentação, as Secretarias de Saúde de Carapicuíba e de Cotia estão realizando palestras de conscientização sobre o tema.

0
811

Tradicionalmente, agosto é lembrado como o Mês da Amamentação pela passagem do Dia Mundial da Amamentação (1º de agosto) e, para dar luz à importância deste ato, Cotia e Carapicuíba realizam ações em comemoração à data.

Foto: Vagner Santos

Em Cotia, a Clínica da Mulher, da Secretaria de Saúde de Cotia, realizou uma palestra para gestantes de alto risco que são acompanhadas por médicos da unidade. O tema foi “Agosto Dourado – Amamentar vale ouro” para incentivar o aleitamento materno. A palestra aconteceu na manhã de quarta-feira (8/08) e foi acompanhada por diversas gestantes. A secretária adjunta da Saúde, Ângela Maluf, prestigiou o evento. A programação contou com palestras educativas que explicaram sobre o preparo da mama para a amamentação, ‘pega’ correta da mama para facilitar a amamentação, benefícios para a mãe a para o bebê. As palestras foram ministradas pela enfermeira Eneida Fré, da Clínica da Mulher, e por nutricionistas do Banco de Leite, do Hospital Regional de Cotia, que esclareceram sobre a doação de leite humano. “Tudo que a criança precisa está no leite materno, por isso é tão importante estimular a amamentação e, sempre que possível, a doação”, disse a enfermeira Eneida. Ela salientou que as mães que tiverem condições de doar, devem procurar informações junto ao Banco de Leite de Cotia sobre como proceder. “A doadora recebe um kit para coleta, orientação para retirada e armazenamento e o leite é retirado na casa da doadora”, completou. Informações sobre o Banco de Leite de Cotia pelo telefone 4148-9070.

Foto: Vagner Santos

Já em Carapicuíba, a Secretaria de Saúde está realizando, até o final do mês, palestras e rodas de conversa em todas as Unidades de Saúde Básica (UBS, USF e Casa do Adolescente). Para a coordenadora de nutrição de Carapicuíba Juliana Galvão: “é necessário oferecer informação e espaços para diálogo com as mães, porque existem mitos sobre o leite materno que desestimulam a amamentação”. E completou: “Fortalecer a cultura de aleitamento materno em todas as regiões da cidade é muito importante para o desenvolvimento saudável das crianças”. As palestras serão ministradas por equipe multiprofissional, com enfermeiros, fonoaudiólogos, nutricionistas, psicólogos e dentistas. Gestantes e mães terão a oportunidade de esclarecer dúvidas sobre o modo correto de amamentar, valor nutricional do leite materno, indicação do uso de chupetas e mamadeiras, entre outros temas. As datas e horários estão disponíveis nas Unidades de Saúde Básica.