Espaço Araucárias faz festa para atendidos da Abrahipe

Parceria entre as instituições proporcionou muita alegria a pessoas com mobilidade reduzida

4372
Foto: William Melo/Revista Circuito

O Buffet Espaço Araucárias cedeu seu espaço, instalações e profissionais para auxiliar na realização da festa junina de pessoas assistidas pela Associação Brasileira de Hippoterapia e Pet Terapia (Abrahipe) que ofereceu aos convidados pratos e bebidas típicas de festa junina.

O que não faltou durante a comemoração foi alegria e alto astral.

“Esta festa junina tem sido realizada há dois anos com sucesso, tendo como objetivo oferecer aos atendidos da Abrahipe a oportunidade de ter uma experiência de convívio social e conhecimentos culturais, além de poderem sair um pouco da sua rotina, que nem sempre favorece atividades como essa”, declara Ana Claudia Terreiro, diretora do Espaço Araucárias.

A Abrahipe é uma Ong, qualificada como Oscip e tem por finalidade a execução de serviços ou ações sócio assistenciais e educativas às crianças, jovens e idosos com deficiência, mobilidade reduzida, limítrofes e necessidades especiais, sem exigência de contraprestação dos usuários, com objetivo de habilitação, reabilitação e de promoção da sua inclusão á vida comunitária, de forma articulada ou não com ações educacionais ou de saúde, especialmente de acordo com a Lei Orgânica de Assistência Social e legislação correlata.

Tem como principal objetivo e instrumento a interação homem/animal por meio da utilização de cavalos e cães, através de atividades como a hippoterapia, pet terapia, leitura com auxilio de cães , arte terapia e musicoterapia em conjunto com a atuação de profissionais de diversas áreas.

O Espaço Araucárias, localizado na rua Santo Antonio, 130 – Granja Viana – Cotia nasceu da vontade de proporcionar aos moradores da Granja Viana e região, um espaço de festas e eventos que harmonizasse com sua vocação: muito verde, ar puro e uma atmosfera de quintal de casa combinada a um salão de festas totalmente voltado para o lúdico e a integração.

Os brinquedos não eletrônicos dão lugar à fantasia, ao resgate das antigas brincadeiras de rua e quintal e a manobras radicais com muita adrenalina e diversão. O salão amplo integra os convidados; adultos, crianças de todas as idades, jovens e idosos podem participar das brincadeiras ou apenas observá-las de um ângulo bem próximo.

Móveis e detalhes, cuidadosamente elaborados e confeccionados a partir de materiais de demolição da antiga casa existente no local, assim como as araucárias, que inspiraram o nome do espaço, e o imponente cedro cheiroso que enfeita a entrada do buffet, reforçam nossa proposta de que preservar é preciso.

Assista ao vídeo e confira a alegria da criançada:

Confira as imagens da festa: