Coordenadores de Cotia participam de conferência sobre tecnologia na educação

O uso de tecnologias em sala de aula é uma das propostas da atual gestão que, em 2018, instalou lousas digitais em todas as escolas com Ensino Fundamental

274
Foto: Vagner Santos

Um grupo de coordenadores de escolas municipais de Cotia participou do EdTech Conference 2019, promovido pela Startse, no Expo Center Norte, na quinta-feira (21/02). A participação no evento foi oportunizada pela Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Educação, para a coordenação de todas as escolas municipais de Ensino Fundamental que contam com lousas digitais – equipamentos implantados pelo prefeito Rogério Franco, em 2018.

O EdTech contou com dezenas de palestrantes que falaram sobre assuntos em torno da proposta central do evento que foi “A Era da Educação 3.0 chegou – qual o papel das escolas em uma realidade onde toda a informação está na Internet?”.

A Conferência trouxe a reflexão sobre profissões que deixarão de existir, desafios do educador frente a tecnologias que permitem o ensino à distância, vídeo aulas gratuitas pela Internet e qual é o papel do professor tradicional diante de todas estas mudanças. “A tecnologia é um caminho sem volta e cada dia mais precisamos nos reciclar”, disse o prefeito Rogério Franco.

Ele reconheceu que no poder público, de um modo geral, a inserção destas novidades é mais lenta, mas que nem por isso pode ficar para trás. “Trouxemos as lousas digitais, capacitamos os professores para fazer o melhor uso destes equipamentos, criamos uma Secretaria de Gestão Estratégica e Inovação que vem tirando Cotia do passado e vamos fazer muito mais neste sentido”, disse o prefeito Rogério Franco.

O coordenador Fernando Garcia, da Escola Municipal Jardim do Engenho, aprovou a iniciativa da Prefeitura. “A participação dos coordenadores na EdTech é de extrema importância, pois da mesma forma que o educando necessita sair dos corredores da escola para conhecer outros ‘mundos’, os docentes precisam estar em contato com novas ideias e conceitos para ampliar seu conhecimento e se atualizar”, avaliou. “Por isso creio que a Secretaria de Educação acertou em cheio nessa formação”, completou Fernando.