Parte do trecho Oeste do Rodoanel será interditado por 90 dias

Segundo a CCR, a interdição, de cerca de 400 metros, é necessária para a implantação de um novo muro de contenção que faz parte das obras de construção das novas marginais na rodovia, entre o km 19 e km 24

1562

A CCR RodoAnel interditou nessa sexta-feira (3) o acostamento na altura do km 23,5 da pista interna do Trecho Oeste do RodoAnel, no sentido Bandeirantes/Perus, região de Osasco. A intervenção, que durará cerca de 90 dias, tem aprovação da Artesp (Agência Reguladora de Transportes de São Paulo) e da Polícia Rodoviária.

Segundo a concessionária, a interdição, de cerca de 400 metros, é necessária para a implantação de um novo muro de contenção que faz parte das obras de construção das novas marginais na rodovia, entre o km 19 e km 24, entre Osasco e Carapicuíba.

A CCR informou que, durante todo o período de obras, a rodovia contará com sinalização adequada, além de reforço no monitoramento de câmeras e de operação de guinchos para auxiliar os usuários com problemas na via.

Obras das novas marginais

A CCR RodoAnel iniciou em maio de 2018 a implantação de vias marginais entre o km 19,7 e o km 24,4 nas pistas interna e externa, do Rodoanel Oeste. O investimento previsto pela concessionária é de aproximadamente R$ 53,2 milhões (base jul/17). A previsão de conclusão é maio de 2021.

A obra tem como objetivo ampliar a capacidade da rodovia no trecho, melhorando a fluidez na região dos acessos do Rodoanel ao bairro da Padroeira, em Osasco; para Carapicuíba; e para a Raposo Tavares. Ao ordenar o trânsito de curta e longa distância, a implantação das marginais também aumentará o conforto e a segurança para os motoristas que trafegam na rodovia.