As obras da artista plástica de Cotia, Rosi Araújo, estão em exposição na Finlândia desde o dia 6 de julho e ficarão até o próximo dia 20. Os três quadros de Rosi carregam uma mensagem sobre ancestralidade da cultura indígena, a qual ela é descendente. No final de maio, os mesmos quadros ficaram em exposição em Osaka, no Japão.

Todos os quadros de Rosi são feitos com materiais sustentáveis, como argilas minerais, urucum, carvão e madeira reutilizada. Todo o material é extraído do seu ateliê, que fica em Cotia.

Essa experiência, de levar a cultura indígena para outros países, tem um significado imenso para ela. “A gente está conquistando espaços, tendo visibilidade e divulgando a cultura indígena, pois levo, junto com os quadros, meus textos sobre a tradição dos povos indígenas e espalho isso junto. É uma arte individual, mas com engajamento ativista”, explica.

As exposições são realizadas pela AVA Galleria, cuja sede fica em Helsinque, na Finlândia. O projeto conta com a curadoria do brasileiro Edson Cardoso, que já realizou várias mostras com artistas do país nas principais capitais do mundo. As obras vendidas, segundo a entidade, ajudarão o projeto “Arte Vida Arte”, que apoia crianças carentes, através dos trabalhos artísticos.

O convite para Rosi expor seus trabalhos surgiu após a sua participação na Bela Bienal, este ano, no Rio de Janeiro. O evento reuniu artistas da Europa e da América Latina, colocando duas culturas diferentes em um mesmo espaço.

ARTE VIDA ARTE

Também de iniciativa da AVA Galleria, Rosi está com obras inéditas em exposição em Ipanema (RJ). O projeto, chamado de Arte Vida Arte, reúne trabalhos de artistas de várias partes do mundo. Parte das vendas das obras será para angariar recursos para o projeto que atende crianças de 7 a 14 anos da comunidade da Cidade de Deus (RJ).

Neste projeto, o diálogo entre os países nórdicos e o Brasil é aprofundado, misturando arte e atividades socioeducativas, nas quais os artistas realizam workshops com as crianças do projeto. As atividades são oferecidas sempre um sábado por mês, das 15 às 18h, para aproximadamente 20 crianças da comunidade.

Para ajudar na divulgação das ações do projeto, a exposição coletiva será realizada na Mblois Galeria de Arte, com obras de diversos artistas plásticos, que estarão colocadas à venda. Com abertura nesta quarta-feira (17), a exposição será até o dia 25 deste mês.

Contato : rosiaraujoarte@gmail.com

Inatagram: @rosiaraujoarte

Facebook.com/rosiaraujoarte

 

Por José Rossi Neto