Era digital potencializa mercado de fotografia

Tecnologia gera oportunidade para que profissionais capacitados tornem-se referência no segmento. A unidade do Senac Taboão da Serra tem cursos na área de comunicação e artes que capacitam os profissionais para o mercado de fotografia e edição, com turmas com início previsto já em agosto.

233

Com a ascensão da era digital, a maneira de se criar fotografias passou por diversas mudanças. A tecnologia aumenta a qualidade do serviço oferecido, mas também possibilita que qualquer pessoa com um smartphone registre momentos especiais com apenas um clique. Por isso, é preciso que os profissionais da área utilizem os meios digitais a seu favor, explorando diferentes técnicas de luz, tratamento de imagens e impressões diferenciadas para produzirem fotografias com personalidade e alta qualidade.

Entre os benefícios dessa evolução tecnológica, também estão as melhorias dos equipamentos. “Os fotógrafos antigos tinham muita dificuldade com foco, hoje, consegue-se o recurso de forma automática. O peso da câmera também mudou, por ser mais leve, facilita o trabalho e a locomoção dos profissionais, ampliando as opções de trabalho”, comenta Antonio Rogério Cazzali, docente dos cursos de fotografia do Senac São Bernardo do Campo.

O especialista observa que estas melhorias, no entanto, têm suas controvérsias, pois quanto mais forte o mercado fica, mais visado se torna por amadores que buscam apenas retorno financeiro, sem tanta preocupação com a qualidade. “A tecnologia, para muitos, é uma falsa ideia de poder. Você é um co-criador, mas possui limitações. Embora as experiências pessoais ajudem a gerar uma imagem criativa, é a formação que capacita a execução mais apurada e efetiva das diversas técnicas existentes”, acrescenta.

A capacitação permite ao aluno unir suas habilidades pessoais e senso estético com conhecimentos técnicos e, desta forma, construir um olhar aprimorado para conseguir imagens fora do padrão. “O amador vai fotografar cartões-postais. O profissional deve produzir algo pensado, que conte uma história e seja capaz de despertar lembranças e sensações ao observador. Isso se dá pelo estudo da história e de técnicas que, somadas à bagagem cultural e boas referências, transformam iniciantes em ótimos fotógrafos”, explica Tom Leal, docente dos cursos de fotografia do Senac Santos.

As unidades do Senac na Grande São Paulo e no litoral possuem cursos na área de comunicação e artes que capacitam os profissionais para o mercado de fotografia e edição, com turmas com início previsto já em agosto. O curso Formação Básica em Fotografia, por exemplo, está disponível nas unidades Taboão da Serra, São Bernardo do Campo e Santos. Também há vagas para os cursos Introdução à Fotografia Digital, Fotografia: ensaio, composição e linguagem e Fotografia com Celular ou Câmera Compacta. As aulas trabalham a sensibilização do olhar, exploram a teórica e estimulam a prática, além de contar com visitas técnicas e composição de trabalho final autoral, que pode servir como portfólio pessoal.

Para mais informações sobre os cursos, assim como os pré-requisitos de cada um, basta acessar o Portal Senac ou ir presencialmente até a unidade de preferência.

Serviço:
Formação Básica em Fotografia
Data: 17 de agosto a 14 de dezembro de 2019
Horário: aos sábados, das 8h30 às 12h30
Local: Senac Taboão da Serra

Fotografia: ensaio, composição e linguagem
Data: 14 de setembro de 2019 a 25 de janeiro de 2020
Horário: aos sábados, das 13h30 às 17h30
Local: Senac Taboão da Serra

Senac Taboão da Serra
Endereço: Rua Salvador Branco de Andrade, 182 – Jardim São Miguel
Taboão da Serra – SP
Informações e inscrições: www.sp.senac.br/taboaodaserra