Por que a dança traz muitos benefícios em tempos de quarentena?

A prática da atividade diminui o stress, queima calorias e aumenta a imunidade

Em tempos em que o isolamento social mudou a rotina da população mundial, é preciso buscar atividades que tragam benefícios para o corpo e para a mente. O home office está sendo realizado, o auxílio nas tarefas das crianças, as tarefas domésticas estão em dia, mas e a atividade física? “Se exercitar é fundamental para a saúde física, aumenta a resposta imunológica do organismo e é essencial para a saúde emocional, especialmente quando vivemos momentos de stress como o que temos enfrentado nas últimas semanas”, explica a especialista em educação da Zumba, Ludmilla Marzano.

A dança é uma ótima opção para aliviar a tensão e uma vantagem é que ela está presente no DNA do brasileiro. É uma forma de descontrair com toda família, já que é indicada para todos os perfis. “É possível fazer aulas de Zumba, por exemplo, virtualmente. Instrutores do mundo inteiro têm dado aulas online diariamente através de salas particulares como Zoom, Skype e Google Hangouts, para manter uma rotina saudável em todos os sentidos”, explica Ludmilla, que elenca os principais benefícios para o corpo e mente dessa atividade divertida durante a quarentena:

1. Elimina calorias

“Isso é um exercício disfarçado”, afirma Ludmilla, que completa “dependendo da intensidade que o aluno colocar em cada movimento, ele pode queimar até 1.000 calorias em uma aula de Zumba”. O momento é de distanciamento social e não de sedentarismo, portanto, mexa-se! Como com qualquer atividade, é importante ter a frequência de, no mínimo, três vezes por semana.

2. Combate o stress

No momento de tensão como estamos vivendo, deixam os músculos rígidos e tensos. Quando a pessoa começa a dançar ela relaxa, libera endorfina, dopamina e serotonina, hormônios que dão a sensação de prazer. “Basta começar a música, que automaticamente consigo perceber os alunos sorrindo com seus familiares em casa”, complementa a especialista.

3. Tonifica os músculos

A dança é uma atividade que beneficia o corpo todo. “A aula de Zumba®, por exemplo, combina diferentes ritmos como salsa, merengue, cumbia e reggaeton. São muitos movimentos na coreografia, o que trabalha a musculatura das pernas, abdômen e membros superiores enquanto se dá passinhos, giros e requebradas, por exemplo. É uma modalidade de dança fitness bem completa”, conta Ludmilla.

4. Diminui a ansiedade

A dança exige que o aluno tenha total atenção no momento presente, para conseguir acompanhar a coreografia. O que faz a mente dos ansiosos se desligarem dos excessos de informações da pandemia, e ajuda a acalmá-los, pois se concentram apenas na aula.

 5. Socialização mesmo em isolamento

As aulas são praticadas em grupos virtuais, o que ajuda os alunos na socialização, mesmo que virtual. “É poder quebrar o distanciamento e se sentir em comunidade. A aula em grupo, além de motivar, é o momento de prazer de quem está há mais de três semanas sem sair de casa”, afirma Ludmilla.