Experiências de turismo responsável

Destinos lotados, com temperaturas acima da média, falta d’água e de energia e tempestades não são novidade para quem viaja pela América do Sul. Mas poucos de nós imaginamos vivenciar situações tão extremas nas nossas férias. No último ano, o país testemunhou diversas ondas de calor, enchentes fatais na região sul, seca sem precedentes na Amazônia e incêndios devastadores em diversas áreas, e o brasileiro finalmente se deu conta que as mudanças climáticas são reais e capazes de afetar nosso dia a dia, nossas viagens e nossa sobrevivência no planeta.

Mais do que nunca, além de estar preparado para os episódios causados pelas mudanças climáticas nos destinos que visita, o viajante precisa assumir a responsabilidade pelos impactos negativos das suas viagens no meio ambiente. De acordo com o Painel de Turismo sobre Mudanças Climáticas (TPCC), “o turismo é um dos principais contribuintes para as emissões globais de gases de efeito de estufa (aproximadamente 8-10%) e é reconhecido como um dos setores mais vulneráveis aos riscos climáticos”.

Para André Martellotta, presidente do MUDA! Coletivo Brasileiro pelo Turismo Responsável, ao fazer escolhas conscientes nas suas férias o turista está contribuindo não só para reduzir os impactos climáticos no destino, mas também ampliar impactos econômicos e sociais positivos. “Estas escolhas incluem a opção por hospedagens, agências e guias que trabalham com práticas de sustentabilidade, a preferência por passeios e destinos menos procurados, visitas a Unidades de Conservação e a comunidades tradicionais, a decisão de não fazer atividades que explorem animais, além de cuidados individuais, como redução do desperdício, gestão do lixo e alimentação consciente”, destaca André.

Para ajudar o viajante a fazer escolhas mais conscientes nestas férias com viagens que podem gerar impactos positivos para os destinos e para o planeta, o Coletivo MUDA! selecionou nove experiências transformadoras de turismo responsável pelo Brasil:

Acre – Rio Branco e Xapuri
City Tour Urbano e Ambiental de Rio Branco / Reserva Extrativista Chico Mendes

Um destino ainda pouco procurado por brasileiros, o Acre reserva uma diversidade de experiências para os amantes da natureza. A agência Destino Acre, especialista na região, oferece passeios que conectam o viajante com a biodiversidade, a essência das pessoas e a cultura local. Entre eles estão o City Tour Urbano e Ambiental de Rio Branco, que alia experiências de cultura e história com vivências na natureza e delícias gastronômicas. Durante um dia inteiro, o visitante descobre diversos cantinhos da capital acreana, conhece mercados públicos e parques ambientais. O roteiro termina com uma experiência dos chocolates selvagens da Amazônia. Para quem busca maior conexão com comunidades locais e imersão na natureza, a indicação é o passeio pela Reserva Extrativista Chico Mendes, localizada no Seringal da Floresta, no município de Xapuri. Os viajantes são recebidos pela família de uma liderança seringueira para uma trilha pela Resex, que termina com almoço típico regional servido pela família anfitriã. A visita também inclui city tour na cidade de Xapuri.
Mais informações:
Destino Acre – [email protected]
Tel/WhatsApp: (68) 99203-0352

Amazonas – Manacapuru
Conexão com a Floresta no Manati Lodge

Imerso no coração da Amazônia, na região de Manacapuru, no Rio Negro, o Manati Lodge é um hotel de floresta familiar que oferece uma experiência autêntica e responsável para os viajantes. Fundado por moradores da região, o Manati faz questão de valorizar a essência da cultura e dos povos da Amazônia, além de ajudar a preservar a floresta. Por isso, todas as atividades foram desenvolvidas com foco nos cuidados com as pessoas e com o meio ambiente. Os programas podem variar entre 2 e 6 dias e as experiências são adaptadas de acordo com os interesses dos viajantes. No Programa Harpia, de 3 dias, por exemplo, o hóspede pode fazer canoagem pelos igapós e igarapés, focagem noturna, trilha interpretativa pela floresta de igapós, assistir ao nascer do sol no Rio Negro, pescaria recreativa de piranhas e outros peixes, contemplação do boto cor de rosa e do pôr do sol, além de visitar a tradicional casa de farinha e o jardim de plantas medicinais. Importante lembrar que o Manati Lodge foi um dos empreendimentos severamente afetados pela grande seca na Amazônia de 2023 e visitar o hotel é uma forma de apoiar sua recuperação.
Mais informações:
https://www.manatilodge.com/ – [email protected]
Tel/WhatsApp: (92) 99525-6792
Foto crédito Manati Lodge

Amazonas – Rio Negro e Presidente Figueiredo
Vivências imersivas com a Poranduba Amazônia

Uma agência de viagens que tem o propósito de conectar viajantes com pessoas e experiências transformadoras na Amazônia, a Poranduba se baseia nos pilares do turismo responsável para desenvolver roteiros únicos que geram impactos positivos para as comunidades e destinos. Na região do Rio Negro, em uma área acessível apenas de barco, os visitantes têm a oportunidade de conviverem com comunidades tradicionais ribeirinhas, ficando hospedados em pequenas pousadas dentro destas comunidades. Estes roteiros de imersão convidam o viajante a se conectar com o dia a dia e as tradições ribeirinhas, com os anfitriões e com a floresta. É possível escolher entre programas de 3 a 7 dias e as experiências incluem canoagem, trilhas pela floresta, banho no Rio Negro, oficina de artesanato, visita ao Parque Nacional de Anavilhanas, visita à casa de farinha, praias de rio, pernoite na mata, dentre outras. Já em Presidente Figueiredo, apaixonados pelo ecoturismo podem se aventurar em cachoeiras, lagoas, trilhas e cavernas em roteiros guiados de 2 a 4 dias com transfers saindo de Manaus.
Mais informações:
https://www.poranduba-amazonia.com/ – [email protected]
Tel/WhatsApp: (92) 99262-5284

Bahia – Caraíva
Turismo Responsável em Caraíva na Casa de Paixão

Uma das cidades mais badaladas do litoral sul da Bahia, Caraíva recebe viajantes em busca de agito e belas praias. Mas a pousada Casa de Paixão, comprometida com o turismo responsável, quer mostrar ao visitante um outro lado da vila, feito também de pessoas, conexão com a natureza e muita cultura. A charmosa pousada, localizada no centrinho histórico, oferece passeios incríveis em parceria com os moradores locais. Entre eles estão a visita e ritual na aldeia Pataxó Porto do Boi, que leva os visitantes para uma imersão na cultura indígena Pataxó. Os passeios de barco e lancha são realizados pela Associação dos Nativos de Caraíva e visitam as incríveis praias da região, como Praia do Satu e Praia do Espelho, ou sobem o Rio Caraíva para uma experiência em paisagens remotas. Já os passeios de buggy são realizados pelas associações dos indígenas Pataxó. Hospedar-se na Casa de Paixão já pode ser a primeira escolha do viajante responsável. A pousada trabalha com redução de desperdício e reciclagem integral do lixo, economia no consumo de água e energia, apoio a projetos e comunidades locais e conscientização da equipe e viajantes.
Mais informações:
https://www.casadepaixaocaraiva.com.br/ – [email protected]
Tel/WhatsApp: (73) 99937-6026
Foto crédito Casa de Paixão Caraíva

Bahia – Parque Nacional da Chapada Diamantina
Trekking do Vale do Pati com Nas Alturas

Uma das experiências mais encantadoras da Chapada Diamantina, o Trekking do Vale do Pati oferece ao viajante a oportunidade de desvendar alguns dos atrativos mais incríveis da região, como o Cachoeirão e a Gruta do Castelo, enquanto se conecta com a cultura e as pessoas do lugar, hospedando-se na casa de nativos. Considerada uma das mais belas travessias do Brasil, esta é uma experiência transformadora para quem busca balancear férias ativas com bem-estar em meio à natureza. Embora o Trekking do Vale do Pati seja um roteiro para quem tem algum preparo físico e disposição para caminhar, com a agência Nas Alturas é possível adaptá-lo para todas as idades e de acordo com as necessidades e preferências de cada grupo. Os viajantes podem escolher entre o roteiro completo, de 8 dias, ou a versão mais curta, de 5 dias. A Nas Alturas opera com foco na construção de um turismo mais responsável na região há mais de 18 anos, incentivando o empreendedorismo na Chapada Diamantina e trabalhando em parceria com comunidades locais. Ela leva grupos de no máximo quatro pessoas, com o objetivo de melhorar a experiência e segurança do viajante e reduzir os impactos no destino, e é certificada pela norma ISO 21.101 de Sistemas de Gestão de Segurança para Turismo de Aventura. Os turistas recebem um kit com amenities biodegradáveis e a operação é feita com gestão responsável do lixo.
Mais informações:
https://nasalturas.net/pt/ – [email protected]
Tel/WhatsApp: (75) 99841-6419

Mato Grosso do Sul – Bonito
Bonito, destino carbono neutro de ecoturismo com Clube Turismo Ribeirão Preto

Reconhecido em diversos prêmios como o melhor destino de ecoturismo do Brasil e certificado em 2023 como o primeiro destino de ecoturismo carbono neutro do mundo, o município de Bonito é um paraíso para quem ama natureza e aventuras, reunindo atividades para todas as idades. Os pacotes oferecidos pela agência Clube Turismo Ribeirão Preto podem ser desenhados de acordo com os interesses do viajante. A sugestão para um roteiro de sete dias inclui hospedagem em pousada comprometida com a sustentabilidade, aéreo, aluguel de carro com opção carbon free e os atrativos Gruta Azul, flutuação no Rio Sucuri, boia cross no Rio Formoso, visita ao Pantanal na Fazenda São Francisco, Aquário Natural e Fazenda Ceita Corê. Em cada viagem vendida, a Clube Turismo Ribeirão Preto apoia o Projeto Arboreser com o plantio de árvores e a CUFA de Ribeirão Preto.
Mais informações:
Clube Turismo Ribeirão Preto / [email protected]
Tel/WhatsApp: (16) 3515-6900
Foto Bonito Rio Sucuri

Pará – Alter do Chão
Alter a Bordo com Vivejar Experiências

Uma navegação inspiradora pelos rios Tapajós e Arapiuns, na Amazônia paraense, promete levar os viajantes para conhecerem a pequena vila de Alter do Chão sob novos olhares. A proposta é que eles conheçam não apenas as belezas naturais, mas também a história e a diversidade das pessoas e tradições que dão vida ao lugar. O roteiro de 5 dias e 4 noites tem início em terra firme, com visita à charmosa Alter e uma longa trilha pela Floresta Nacional do Tapajós. Já a bordo do confortável barco, com suítes privativas, os visitantes têm a chance de acompanhar a dinâmica da floresta, seus sons e cheiros, fluindo junto com ela. Durante o dia, a expedição inclui visitas a comunidades tradicionais ribeirinhas, com almoços típicos, rodas de conversa, artesanato, meliponário, berçário de tartarugas e muitas trocas. Enquanto aprendem e se conectam, os viajantes estão apoiando estas comunidades através do turismo responsável. A experiência também inclui deliciosos banhos de rio e a oportunidade de, a qualquer momento, haver um encontro com botos ou outros animais da fauna local. A Vivejar é uma agência, operadora e empresa social que trabalha exclusivamente com roteiros que fortalecem positivamente os destinos visitados.
Mais informações:
https://vivejar.com.br/ – [email protected]
Tel/WhatsApp: (11) 98328-3034

Pará – Ilha do Combu e Ilha de Cotijuba
Imersão nas Ilhas de Belém com a Vivenciar

As ilhas que fazem parte da capital paraense são regiões surpreendentes, ricas em cultura e curiosidades ainda pouco conhecidas pelos viajantes. Para apresentar os encantos destas regiões, a agência Vivenciar, focada em turismo responsável e de base comunitária, desenvolveu roteiros especiais, que buscam conectar os visitantes com a essência do local, sua história e suas pessoas. Na imersão “Do outro lado do rio: Ilha do Combu”, os viajantes têm a oportunidade de se desconectar da cidade e sentir a floresta amazônica. O roteiro de um dia inclui mergulho no rio, passeio de barco pelos igarapés, demonstração da extração do açaí, caminhada ecológica com um morador local, além de degustação do delicioso chocolate orgânico da Amazônia do espaço Ygara Artesanal. Já a vivência de dois dias “Viva Cotijuba: roteiro cultural patrimonial e gastronômico”, é organizada em parceria com o Movimento de Mulheres das Ilhas de Belém (MMIB), que trabalha com iniciativas de produção artesanal e desenvolvimento socioeconômico para as mulheres da região. O roteiro inclui visita ao MMIB com café da manhã regional e oficina de artesanato, visita ao ponto de cultura que incentiva o carimbó raiz, percussão e danças regionais, almoço na praia do Vai Quem Quer, jantar em restaurante típico, trilha ecológica e tardes livres para curtir as praias.
Mais informações:
https://vivenciarpa.com.br – [email protected]
Tel/WhatsApp: (91) 98530-9414

São Paulo – Ubatuba
Vivência no Quilombo da Fazenda com a Rota da Liberdade

Localizado no litoral norte de São Paulo, em Ubatuba, o Quilombo da Fazenda preserva tradições de mais de 200 anos de famílias da comunidade remanescente da fazenda de café Picinguaba. Já há alguns anos os moradores desenvolvem o turismo de base comunitária como alternativa de emprego e renda e como forma de preservar e fortalecer sua cultura. Em uma imersão de um dia, a agência Rota da Liberdade, especializada em afroturismo, leva viajantes para se conectarem com as histórias e pessoas deste quilombo. A experiência envolve atividades como trilha pela comunidade, visita à casa de farinha e à agrofloresta, conversa e contação de histórias, oficina de artesanato e culinária típica. Em datas especiais há festivais e comemorações tradicionais. Em todas as vivências, os próprios comunitários guiam e compartilham suas sabedorias e tradições com os visitantes.
Mais informações:
https://www.rotadaliberdade.site
Tel/WhatsApp: (12) 99116-0837

Artigo anteriorPraça da Aldeia realiza Carnaval da Família
Próximo artigoVargem Grande Paulista intensifica ações preventivas de combate à Dengue