Dando sequência ao projeto onde a Falamansa une o ritmo consagrado do forró a outros gêneros musicais, que iniciou-se no feat com a cantora Iza, a banda lança a canção “Aloha” com participação especial de Natiruts, misturando reggae e forró no embalo das ondas do mar para saudar o amor, a praia, o esporte; e ainda homenageia grandes ídolos do surfe brasileiro – Ítalo Ferreira, Filipe Toledo e Gabriel Medina, que são mencionados na música pelos principais talentos esportivos, que lhes renderam títulos e notoriedade internacional.

A música inédita foi composta por Tato, vocalista da Falamansa. O videoclipe tem direção de Gustavo Veiga (On3 Filmes) e foi gravado em Ubatuba, litoral norte de São Paulo. Capta esse universo praiano paradisíaco tão apreciado pelos integrantes da banda.

“Amor, sol, mar, música, esporte e crianças se divertindo…acho que essa canção vai dar praia. Foi uma delícia ver esse novo trabalho tão bem representado no videoclipe; espero que todos curtam e entrem nesse clima praiano conosco”, Aloha, Tato.

“Aloha” é a continuidade de um projeto de músicas inéditas com participações especiais de grandes artistas. O primeiro lançamento foi “Cangaceira”, em parceria com a Iza. Para 2023 estão previstos mais feats e novidades.

A banda segue com agenda de shows intensa por todo o país neste fim e início de ano.

Relembrando
Na edição 137, de maio de 2011, adentramos o lar de Tato Cruz, vocalista do Falamansa, e conhecemos sua família. Em sua linda casa, na Granja Viana, Tato nos contou sobre a formação da banda, seu dia-a-dia e o porquê escolheu o bairro. “Primeiro porque queria um lugar de fácil acesso para estradas, e estamos próximos do Rodoanel. Então, comecei a pesquisar. Comecei vendo casas, mas quando vi o terreno, mudei de ideia. Eu mesmo desenhei a minha casa, que é em forma de piano estilizado. Meu pai ajudou na criação das portas, por exemplo, que são enormes. Construí em quatro anos. É ótimo para compor com este verde ao redor. O gostoso é que a Granja tem horas que parece praia, depois campo. Adoro aqui, sinto-me um perfeito granjeiro”, contou na época.

Artigo anteriorComerciantes de Cotia participam da campanha de conscientização sobre autismo
Próximo artigoComediante carapicuibano lança especial de comédia