Foco, treino, união e muita dedicação. Esses elementos contribuíram para que a nova equipe de Ginástica Rítmica de Cotia conquistasse o 1º lugar da modalidade na 63ª edição dos Jogos Regionais de Osasco, que encerrou neste final de semana. A equipe infantil, de 10 a 12 anos, fez bonito e trouxe para casa seis medalhas (duas de ouro, duas de prata e duas de bronze).
Comandadas pelas treinadoras Zeza Belafronte e Janaína Oliveira, as meninas superaram as expectativas. Foi a primeira vez delas em um campeonato tão importante e disputado como esse. “Nenhuma [das atletas] tinha experiência com Jogos Regionais. Foram treinos intensos e conseguimos conquistar esse resultado que superou as nossas expectativas”, disse Zeza.
Para Janaína, que pela primeira vez treinou a equipe infantil, ter conseguido o primeiro lugar no pódio foi uma vivência ótima e de superação. “Mesmo sabendo que as equipes adversárias eram difíceis, pois estavam há mais tempos treinando juntas, em nenhum momento a gente desistiu”, ressaltou.
A equipe, ainda de acordo com Janaína, chegou a disputar alguns eventos, este ano, onde puderam perceber algumas falhas e corrigi-las em tempo. “Foram testes para arrumarmos detalhes da coreografia. Foram seis meses de treino intenso e de muito aprendizado.”
E o resultado de tamanho esforço não poderia ter sido outro: uma medalha de ouro no aparelho bola, com a ginasta Ana Júlia; uma de prata com a atleta Isabela Flores no aparelho mãos livres; uma de prata no aparelho corda, com a Laura Marques e mais duas de bronze, uma com a mesma ginasta no aparelho fita, e outra no individual geral.
O outro ouro foi do conjunto ‘cinco arcos’, categoria até 14 anos, em que as meninas fizeram duas apresentações cravadas, ou seja, sem falhas, sem deixar cair nenhum aparelho, quando todos os elementos são concluídos sem erros. Com o resultado conquistado, a equipe garantiu a classificação para os Jogos Abertos do Interior, que será disputado na cidade de Marília, no mês de novembro.
“Choramos muito, demos pulos de alegria. Foi uma energia muito boa. Isso contribui muito para nos prepararmos para outras competições”, reforça Zeza.

 
APOIO E ESTRUTURA
Mas chegar ao pódio com as medalhas dependeu de outras forças. Além da equipe treinar arduamente, da união do grupo e de todo o trabalho psicológico e de acompanhamento para que elas não desistissem, o apoio de ex-atletas e da família também foi fundamental para a vitória.
“O público nos deu uma força incrível. As mães foram assistir, as ex-atletas … o público levantou muito a moral das meninas que se sentiram mais pra cima. A Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer também deu suporte técnico e toda estrutura. Toda essa força contribuiu muito na hora da competição”, explica Zeza.
CLASSIFICAÇÃO GERAL
A competição contou 25 cidades envolvidas, em 19 locais de competições, com aproximadamente 5 mil pessoas, entre atletas, organizadores e dirigentes. A delegação de Santos conquistou a 1ª posição, seguido de São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Osasco e Praia Grande.
Cotia terminou os Jogos Regionais de Osasco em 11º lugar, conquistando 18 medalhas. Confira abaixo a classificação geral das modalidades que participaram dos jogos (as informações abaixo são do jornal Cotia Agora).
Ginástica rítmica
-Troféu de 1º lugar
-Ouro: Conjunto (arco), Equipe, e Ana Julia Domingues (bola)
-Prata: Laura Marques (corda) e Izabella Granjeiro (mãos livres)
-Bronze: Laura Marques (fita)
Classificação geral: Campeã
Taekwondo
-Prata: Thiago Santos, Felipe Albuquerque
-Bronze:Fernanda Virtuoso, Felipe Santos
Classificação geral: 4º lugar no masculino e no feminino
Karatê
-Ouro:Heraldo Carvalho
-Prata: Davi Pedreira, Rodrigo Ramos, Equipe, Cíndia Souza
-Bronze: Geral, José Henrique Costa
Classificação geral: 3º no masculino e 5º no feminino
Capoeira
-Ouro: Adaiane Cruz
Classificação geral: 7º no feminino
Judô: 6º lugar
Vôlei masculino: 8º
Atletismo: 8º no masculino e 7º no feminino
Futebol: Disputou a medalha de bronze, mas acabou em 4º lugar
 
Por José Rossi Neto