As tendências dos procedimentos estéticos que vão bombar em 2022

Belo, natural e prevenção: esses são os objetivos quando o assunto é procedimento estético segunda a biomédica Gabriela Silveira

No último ano, as pessoas passaram a se importar mais com a saúde e o bem-estar, devido a pandemia da Covid-19, dando mais atenção ao autocuidado. Com a intensificação desses novos hábitos, a adesão do skincare e dos procedimentos estéticos cresceram, criando um aumento significativo na procura e venda desses produtos. A Biomédica Esteta Dra. Gabriela Silveira, proprietária da clínica Slim Santé, relata as principais tendências dos procedimentos estéticos para 2022, além da importância dessa mudança de hábitos para as pessoas.

Segundo pesquisa feita pela Associação Brasileira da Indústria e da Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), houve uma alta de 5,7% em vendas no primeiro quadrimestre de 2021 em relação ao ano anterior. Com isso, a procura por profissionais da área estética também aumentou. O mercado da estética gira de forma rápida, sempre aparecendo novas formulações dermocosméticas.

O boom do momento são os bioestimuladores de colágeno, como Radiesse, Sculptra e cremes para uso diário com a mesma finalidade. Além deles, os prebióticos, probióticos e ozônio têm gerado grande satisfação, já que auxiliam no tratamento de acne, rosácea e pele oleosa. “A estética vem para realçar pontos fortes e para encobrir pontos negativos, mas sem a necessidade de padronizar a beleza, pois cada ser é único”, realça Dra. Gabriela.

O que podemos esperar de mudanças para 2022? Os produtos veganos, não testados em animais e as embalagens sustentáveis devem permanecer como queridinhos. Por apresentarem grande eficácia, as empresas continuam se especializando e aprimorando as tecnologias dos produtos naturais. Além disso, no que diz respeito aos procedimentos estéticos a procura é pelo natural e pela prevenção.

Segundo a biomédica, essas mudanças vão ser importantes principalmente para a saúde, já que a busca tem sido por envelhecer bem em tosos os aspectos. Por isso, as pessoas irão começar a incluir ainda mais o protetor solar e se preocuparem com a exposição do sol. Dessa forma, além do cuidado com o externo, prevenimos qualquer tipo de doença. “O ato de se cuidar também movimenta questões mais profundas como auxiliar em casos de depressão, ansiedade e autoestima baixa, ou seja, podemos esperar um 2022 com uma queda nessas doenças para pessoas que buscam o autocuidado” finaliza a biomédica.

Artigo anteriorGuia de rasteirinhas! Como compor todo tipo de look com o calçado
Próximo artigoCentro Cultural Banco do Brasil São Paulo antecipa as comemorações do centenário da Semana de 22 com mostra Brasilidade Pós-Modernismo