Cotia inicia Campanha do Agasalho e entrega de cobertores para famílias carentes e atendidos por entidades conveniadas

Estão sendo entregues cobertores adquiridos por meio do Plano de Ação de Enfrentamento à Covid-19 e cobertores novos doados por empresários, sociedade civil e voluntários para a Campanha do Agasalho do Fundo Social

A Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, iniciou a entrega de cobertores novos adquiridos com a aprovação do Plano de Ação de Enfrentamento à Covid-19, por parte do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) que deliberou pela compra por parte da Secretaria de Desenvolvimento Social. Além desta ação, o Fundo Social também está promovendo a entrega de cobertores novos da Campanha do Agasalho 2021.

Mesmo sem o lançamento oficial, a Campanha do Agasalho começou a ser organizada no fim de maio e mobilizou doadores e voluntários. “Queremos agradecer o apoio da sociedade civil, de empresários e voluntários que contribuem para melhorar a qualidade de vida das famílias em situação de extrema vulnerabilidade”, disse Mara Franco, presidente do Fundo Social e titular de Desenvolvimento Social.

O formato da Campanha do Agasalho precisou ser adaptado e, por questão de segurança sanitária, estão sendo entregues exclusivamente cobertores novos às milhares de famílias beneficiadas. Estão sendo contempladas famílias em situação de vulnerabilidade social das regiões mais carentes de Cotia. “Pelo segundo ano consecutivo, não conseguimos realizar a campanha no formato tradicional, com diversos polos de arrecadação, entrega de agasalhos e calçados, mas não podemos permitir que a pandemia seja um obstáculo que impeça a realização das nossas ações sociais. Nos adequamos e estamos atendendo as famílias carentes, as entidades conveniadas com a Prefeitura e que atendem crianças, adolescentes e idosos. Nosso propósito é auxiliá-las a enfrentarem melhor as noites frias”, completou Mara Franco.

Artigo anteriorCovid-19: Cotia começa a vacinar a faixa etária 35 anos acima
Próximo artigoMinistério da Saúde libera vacina contra a gripe para a população em geral