No programa Circuito Almanaque, exibido via Facebook e YouTube, a diretora Andrea Cassola falou sobre carreira, maternidade e a relação dela com a Granja Viana. “Minha relação com a Granja Viana começou quando me tornei mãe”, comentou. Ela tem três filhos – de 13, 11 e 9 anos – e, em busca de um lugar mais verde e com espaço para os pequenos brincarem, chegou à Granja Viana. Dois deles, inclusive, nasceram de parto natural, dentro de casa. “A Granja Viana era mais vazia. O comércio e o visual foram mudando ao longo do tempo”, relembrou.

Ela falou de sua nova rotina, com a chegada da pandemia. Comentou da série da Netflix –  Queer Eye, um reality show de comportamento baseado em Queer Eye for a Straight Guy, que foi ao ar nos anos 2000 – que estava produzindo e cujas gravações foram paralisadas. Citou ainda sobre “Partidas e Chegadas”, exibido pela GNT e apresentado pela Astrid Fontenelle. Entre vários trabalhos, Andrea Cassola foi diretora dos programas MTV Sports, Mochilão e Família MTV. Ainda na MTV, assinou o documentário “AIDS: Documento 2002”, que recebeu o Prêmio ESSO de Telejornalismo. “Gosto de contar histórias”, revelou a diretora.

Por Juliana Martins Machado

Artigo anteriorVitão: novinho romântico
Próximo artigoGoverno de SP dá autonomia a municípios para seguir plano de volta às aulas