A evolução da lingerie e como usá-la como peça coringa no look

O conceito de roupas íntimas vai muito além de calcinha e sutiã, elas são consideradas também um símbolo da luta pela igualdade e liberdade feminina. Não é à toa que hoje as lingeries são usadas como roupa principal, algo inimaginável há algumas décadas

Analisando o infográfico, não seria loucura dizer que as lingeries acompanharam as batalhas e conquistas das mulheres ao longo dos anos. Hoje, depois de décadas de uma história repleta de mudanças e evoluções, a roupa íntima é vista como um acessório que representa empoderamento, autoestima, liberdade e sensualidade. Por isso é tão importante conhecer todo o contexto em que essa peça foi criada, pois ela diz muito sobre como a sociedade evoluiu e como as mulheres chegaram até onde estão atualmente.

“Hoje é possível utilizar a lingerie como uma peça de roupa comum e criar um efeito super fashionista, sofisticado e sensual, basta aprender a montar as composições da forma equilibrada”, comenta Fernanda, gerente de estilo da Caedu, varejista que oferece moda de qualidade a preços acessíveis. Confira algumas dicas da profissional!

:: COM BLUSA TRANSPARENTE

Aqui, segundo Fernanda, a dica é apostar em tecidos mais delicados que ofereçam a transparência para criar a proposta. “Tule ou chiffon são algumas das opções que funcionam para esse visual. Para ficar harmônico, utilize a lingerie que seja na mesma cor da própria blusa ou da parte inferior, mas se alguma peça for estampada, escolha um tom que se sobressaia para casar com a cor do sutiã, assim as cores não brigam no look”.
:: COM CALÇA, SHORTS E SAIA

Antes de mais nada, é fundamental ter em mente que a terceira peça aqui é o que vai tornar o look realmente completo. “Para você se sentir mais confortável, não se esqueça da terceira peça, como um blazer ou uma jaqueta”, indica Fernanda.

Agora sim, chegando nas partes inferiores, a profissional alerta que é preciso tomar alguns cuidados! “Quando falamos da calça + lingerie, é importante não escolher nada muito justo e que marque demais a cintura, pois a lingerie já carrega sozinha toda a sensualidade do visual, portanto, calças jeans no modelo mom e a pantacourt são ótimas opções, assim como a pantalona e alfaiataria, que imprimem um ar mais sofisticado”.

Para os shorts, a gerente de estilo da Caedu considera opções de cintura alta e em modelos como tecido de couro, o jeans clochard ou alfaiataria ideais. “Jogar uma camisa por cima ou usar tênis vão deixar o look numa pegada esportiva sexy, super moderna e fashion”.

E as saias? Também combinam? Segundo Fernanda, a imagem que o visual vai passar vai depender do modelo da saia. Para um visual equilibrado, a aposta certa são as saias mais longas e menos justas. “A saia lápis vai deixar o look super sofisticado, assim como a midi, a jeans vai trazer um visual mais casual, e a de couro é perfeita para a noite”.
:: COMO UM TOP

Para apostar na lingerie agindo como um top no visual, Graneiro ressalta que as dicas citadas acima, sobre a terceira peça e partes inferiores de cintura alta, são ainda mais valiosas nessa ocasião. “Seja saia, shorts ou calça, o importante aqui é cobrir o umbigo. Para o look não ficar ousado demais e te deixar segura, a terceira peça é essencial, seja uma jaqueta jeans, jaqueta de couro, camisa, blazer fechado ou aberto, etc. A lingerie, por estar atuando como um top, precisa dar sustentação ao busto e nem ser pequena demais e nem grande demais, assim cria-se um equilíbrio super moderno no look”.
:: POR BAIXO DA BLUSA: 2 POSSIBILIDADES!

A profissional destaca que essa costuma ser a primeira opção de quem está começando a investir na tendência, por ser uma aposta simples e ainda assim moderna e divertida. “O sutiã de renda ou com tiras são modelos coringas nessa hora, ambos podem ser usados com aquela regatinha mais larga ou blusas mais soltinhas, se tiver um decote mais profundo, melhor ainda, os detalhes da lingerie se sobressairão”.

Uma segunda alternativa ainda mais discreta, mas que já insere o look na tendência, é deixar apenas as alcinhas da lingerie aparecendo. “Aqui, é muito bacana brincar com as cores. Por exemplo, no verão, tons mais vivos costumam se sobressair, apostar no pink, amarelo, verde menta ou um azul royal, com peças mais neutras, vai trazer destaque para a lingerie e deixar o look mais descontraído”, finaliza.
Artigo anteriorDER retoma atendimento presencial apenas por agendamento
Próximo artigoVocê sabe o que é Doença Inflamatória Intestinal?