O Repórter Eco deste domingo (21/6) apresenta uma entrevista especial com o filósofo, escritor e educador Mario Sergio Cortella sobre o impacto da pandemia da covid-19. Ele explica como este momento de crise pode ser uma oportunidade para a humanidade cuidar melhor do planeta e se unir por um futuro mais digno para todas as formas de vida.

“A ideia de crise é ser capaz de separar o que é danoso daquilo que não o é. Nesse sentido, se nós tivermos inteligência suficiente para não voltarmos a mesma tolice que é a degradação do lugar onde vivemos, do lugar onde vivem outras formas de vida , isto é, se nós formos capazes de diminuir e até extinguir o biocídio, o assassinato da vida nas suas múltiplas condições, sem dúvida nós teremos uma nova forma de agir”, comenta Cortella.

Apresentado por Márcia Bongiovanni, o Repórter Eco vai ao ar aos domingos, na TV Cultura, às 18h, e no YouTube.

Relembrando
Em dezembro de 2017, num bate-papo de mais de duas horas com a equipe da Revista Circuito, Mario Sergio Cortella falou sobre a importância de estimular os questionamentos e as buscas do ser humano, tratou de temas sociais contemporâneos, discorreu sobre política, educação, religião e tecnologia e, claro, comentou sua relação com a Granja Viana. Fica aqui o seu cantinho particular, chamado de Paca Tatu, para se desligar do mundo e conviver com a família. Considerado por muitos o guru da filosofia moderna, o professor nos fez refletir sobre diversos assuntos. Desta entrevista exclusiva, uma verdadeira aula, fica a lição: algumas escolhas diárias podem livrar os nossos dias de uma existência automática e preencher a alma de significado.